segunda-feira, 7 de julho de 2003

Estou catando (no Kazaa) antigos sambas do excelente Roberto Ribeiro, saudoso sambista carioca - já falecido - que fez grande sucesso nos anos 70. Os mais antigos o conhecem, os mais jovens deveriam conhecê-lo. Representante do mais autêntico samba de raiz, gravou verdadeiras pérolas como Partilha, Todo Menino é um Rei, Acreditar, Vazio, etc. Incrível como a gente vai vivendo e descobrindo coisas de qualidade que já existiam há muito tempo mas que não haviam chegado aos nossos ouvidos, ainda. Assim como a grata surpresa "Roberto Ribeiro", quantas outras mais virão?

Vejam este trecho da belíssima Acreditar:

"Acreditar, eu não
Recomeçar, jamais
A vida foi em frente
e você simplesmente
não viu que ficou pra trás."

Nenhum comentário: